, , ,

Canais: Estratégia de E-mail para o Inbound Marketing

Atrair, converter, relacionar e vender… Atrair, converter, relacionar e vender… Mais uma vez! Estamos falando de INBOUND MARKETING. E nesse conteúdo, vamos pegar a lupa e mirar no RELACIONAR e é assim que vamos entender melhor o mundo estratégico dos e-mails em estratégias de Inbound Marketing.

Pegue o papel, a caneta e disponha uns 10 minutinhos de leitura concentrada e vamos lá!

Antes de mais nada, precisamos entender qual é o seu nível de maturidade no assunto para te direcionar melhor. Então, se você ainda não sabe ao certo O QUE E INBOUND MARKETING, leia este guia antes de continuar.

Os e-mails dentro da estratégia de Inbound Marketing   

Já atraímos milhares de leads, convertemos uma parcela deles e agora é hora da RELAÇÃO. Lupa mirada em RELACIONAR, ok?  

Se eu tenho milhões de visitas no site, as pessoas amam o meu conteúdo, acompanham, estão convertendo nas minhas landing pages, materiais ricos e eu não souber me relacionar com elas, puft… Minha estratégia não está tão boa assim e eu estou me arriscando a perder grande parte da audiência.  

É nessa hora que precisamos entender qual é a melhor forma de se relacionar com essas pessoas, qual é o melhor momento, abordagem e frequência.  

Chegou a hora de definir a sua estratégia de e-mail marketing dentro do Inbound. 

Aqui na Kryp, testamos diversas formas e ações diferentes de acordo com cada perfil e segmento.  

Envio de Blog Posts para base x Auto resposta (autoresponder) de materiais ricos  

De maneira mais básica, dividimos os envios de E-mail Marketing dentro da estratégia de Inbound em duas “categorias”: os envios de conteúdo para a base (dentro de um fluxo ou de maneira pontual) E os autoresponders*** de materiais ricos.  

*** O que é AUTORESPONDER? 
São os e-mails disparados automaticamente após alguma interação (download de algum material rico, por exemplo).  

Envio de Blog Posts para base  

Depois de um certo volume de Blog Posts no ar, você pode criar um fluxo estratégico para envia-los para determinada base e/ou os novos leads percorrerem.  

Atenção para a frequência: entenda, estudando sua persona, se é melhor 1 por semana ou 1 a cada dois dias, por exemplo. Indicamos que faça TESTES. Crie “mini-campanhas” e monte estratégias diferentes, com tempos e espaçamentos diferentes. Acompanhe as taxas e siga!  

O fluxo é bem interessante para relacionamento e nutrição da sua base. Cada e-mail pode levar um conteúdo de uma etapa diferente do funil (exemplo: na primeira semana, envie um conteúdo de Aprendizado e Descoberta. Na segunda, envie um de Reconhecimento do Problema. Depois, Consideração da Solução. E um último de Decisão de Compra).
Vá acompanhando as taxas e continue enviando apenas para os LEADS ENGAJADOS.  

Autoresponder de materiais ricos  

Quando pensamos em autoresposta para os materiais ricos estamos falando de uma comunicação mais generalista e básica.
É importante mostrar que se importa com aquela pessoa que baixou.
Aqui na Kryp, estratégias de agradecimento e pergunta de feedback costumam funcionar bastante.  

MODELO DE E-MAIL DE AUTORESPONDER PARA MATERIAIS RICOS:  

Assunto: obrigada  

Corpo do e-mail:  

Oi Fulano (USAR VÁRIÁVEL),  

Fiquei feliz em ver que você baixou o nosso material X,Y,Z (USAR NOME DO MATERIAL COM HIPERLINK).  

Muito obrigada!  

Se puder me falar o que achou depois que ler tudo, vai ajudar bastante =)  

Ps. Vou deixar o link do material aqui para você poder acessar sempre que quiser (se caso perder ou algo do tipo).  

Um abraço,  

SEU NOME – CARGO  

 

LEMBRE-SE: o foco dos e-mails na estratégia de Inbound (nesse contexto do qual estamos falando) é SE RELACIONAR. Aqui, não estamos focando em e-mail marketing de vendas.
A ideia principal das estratégias deve ser a criação da conexão e confiança nos leads.  

O Inbound AJUDA e por consequência vende 😉  

 

Por último e não menos importante, elencamos 3 dicas básicas para aplicação em campanhas de e-mail, que nos ajudaram a aumentar muitos os resultados:  

Dicas básicas para E-mail de Inbound   

  • USE E ABUSE DAS VARIÁVEIS  

A pessoa precisa sentir que você está falando COM ELA. E não que ela e só mais uma de uma base gigante que está recebendo um e-mail pronto.
Quanto mais personalização, mais chances de sucesso.  

 

  • NÃO CRIE ASSUNTOS COMERCIAIS  

Não deixe o seu e-mail com cara de SPAM. Seja o mais pessoal possível. Com assuntos com cara de ANÚNCIO, a sua chance de perder audiência aumenta bastante. 

 

  • TESTE HORÁRIOS  

Envie em diferentes horários e acompanhe as taxas. Precisamos entender qual é o horário que a nossa audiência costuma ser mais presente e tenha mais atenção para ler nossos e-mails. Teste, teste e teste, de novo.  

 

Agora é partir para o ataque!  

Boa sorte e uma ótima taxa de aberturas e cliques 😉  

 

Siga a Kryp nas redes sociais
0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *